Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Salmo 94 um poderoso aliado aos que sofrem injustiças!

Muitos sofrem injustiças diariamente, seja no trabalho, em relacionamentos tóxicos ou são vítimas de crimes. A maioria leva o sentimento de impotência e desesperança e a fé fica abalada. Vivemos infelizmente em um mundo que muito precisa evoluir, por isso podemos contar coma ajuda divina para podermos nos recuperar e perdoar as ofensas proferidas contra nós em nossa jornada. Se você está com dificuldades em entender e perdoar, faça um ritual diário lendo esse salmo e pedindo para Deus e as forças positivas acalentem seu coração, e que se recupere a honra, a força, e até os bens materiais perdidos. Acenda uma vela ao seu anjo da guarda por 7 dias e ore em voz alta antes de dormir.

Salmos 94

1Ó Senhor Deus, a quem a vingança pertence, ó Deus, a quem a vingança pertence, mostra-te resplandecente. 2Exalta-te, tu, que és juiz da terra; dá a paga aos soberbos. 3Até quando os ímpios, Senhor, até quando os ímpios saltarão de prazer? 4Até quando proferirão, e falarão coisas duras, e se gloriarão todo…

Conte com o meu perdão, mas suma da minha vida!

Nossa flexibilidade e tolerância muitas vezes nos fazem parecer trouxas perante todos. Perdoar é preciso, não devemos guardar lixo emocional dentro de nós. Mas até que ponto devemos compreender quem nos desgasta e tira nossa paz e alegria?
Pessoas tóxicas estão em todo lugar, inclusive nas nossas famílias e relacionamentos amorosos. Perdoar não significa aceitar, perdoar significa não deixar que o outro tire sua paz e nem deixe lixo emocional em você.
Somos legais tentando entender e perdoando, mas deixar a cobra por perto para dar um novo bote não é uma atitude sensata, muito pelo contrário é sinal de autoestima com problemas.
Perdoar uma traição é uma atitude nobre, perdoar duas ou mais e ainda sim manter a pessoa por perto dando chances e mais chances é uma atitude de autoflagelação. 
Muitas pessoas passam por traições e rasteiras na vida, algumas adoecem por conta da mágoa e do ressentimento, não conseguem perdoar honestamente e carregam essa dor por longos anos, e sempre que o assunto surge, os sentimentos voltam a tona, trazendo angústia.
É preciso ter em mente que muitas pessoas tóxicas se divertem com o sofrimento alheio. Existem males mentais e espirituais que fazem com que pessoas perturbadas precisem sempre se impor diante de quem julgam ser mais fracos, essas pessoas se alimentam da tristeza e do sofrimento que causam nas ouras pessoas.
Quantas mães colocam filhos uns contra os outros para impor suas vontades? Quantas pessoas traem seus companheiros, voltam, pedem perdão e cometem os mesmos erros? Quantos filhos maltratam os pais, irmãos e depois pedem desculpas, pouco tempo depois fazem tudo de novo.
O fato de termos ligação sanguínea e querermos sempre uma família unida, nos faz passar por cima de coisas intoleráveis.
Com amigos  e colegas de trabalho, também enfrentamos fofocas e todo tipo de comportamento tóxico que nos causa muita raiva.
Precisamos trabalhar nossa segurança emocional para bloquearmos esse tipo de pessoa logo de cara. Precisamos ser seguros a ponto de faze-los entender que somos bons mas não somos trouxas e não estamos dispostos a ser suas vítimas.
Deus quer sim que perdoemos nossos irmãos, mas também quer que sejamos capazes de compreender que devemos nos amar também, pois não amar a si mesmo, se deixar pisar e manipular é tão grave quanto prejudicar e fazer mal ao próximo.
Tentar interferir no caminho do outro com excesso de compreensão só te trará doenças emocionais e físicas. 
No caso de familiares, mantenha uma distância emocional segura, você não precisa cortar da sua vida,o que você precisa é impor limites do tipo "nós nos amamos mas sem respeito não quero você por perto".
Não tenha medo de se proteger de pessoas falsas e manipuladoras, quem se alimenta da tristeza alheia não merece a chance de conseguir entrar na vida de ninguém para causar estragos.
Se você está em um relacionamento onde precisa perdoar constantemente, onde é traído ou vive desconfiado, fique atento, Deus não quer que você maltrate a si mesmo. Acorde, antes que fique doente!
Todos merecemos amor e respeito,inclusive de nós mesmos!

Que Deus te abençoe sempre!
Luciana Lara

Comentários

  1. Boa tarde, Luciana, excelente postagem, amei e gostaria de publicar em meu blog www.teceramor.com , com os devidos créditos, se me permitir!
    Passei por situações assim, tive um esgotamento nervoso, fui internada e, hoje ele alega que "sou louca", não me dava o divórcio e tentou me matar várias vezes...
    Estava a todo momento me induzindo ao suicídio, por saber que minha mãe se suicidou, por não suportar as agressões de meu pai.
    Comecei uma campanha de conscientização, para que as mulheres em situação de violência ou risco, denunciem, ao invés de se suicidarem ou se deixarem matar.
    Amei conhecer seu trabalho e seu blog e gostaria de divulgar, se me permitir...
    Gratidão, abraços carinhosos
    Maria Teresa

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas