Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

3 dicas simples para limpar a energia da sua casa para o fim do ano

Todo fim de ano arrumamos nossas casas para as festas. Recebemos várias pessoas, algumas próximas, outras nem tanto. Também temos alguns dias a mais para ficar em casa e colocar em dia aquela arrumação que vamos adiando durante o ano por falta de tempo. Por isso separei 3 maneiras simples para você limpar a energia da sua casa e atrair a positividade para o ano que se inicia.

1 - Para mandar embora a negatividade. Você vai precisar de  1 punhado de arruda Óleo essencial de Alecrim Água 30 ml de álcool de cereais 1 borrifador simples Mecere um punhado de arruda, coe o suco que sair da planta e reserve. Em uma embalagem spray de 100 ml adicione: 70 ml de água, 30 ml de álcool de cereais, 50 gotas do óleo essencial de Alecrim e o suco macerado da arruda. Agite bem antes de usar. Borrife por todos os ambientes da casa sempre que estiver sentindo a energia pesada.

2 - Para proteger contra inveja e energias nocivas que possam entrar na sua casa junto com um convidado.
Nem sempre quem entra na nossa ca…

7 Sinais de que você amadureceu e aprendeu a se respeitar

Você já passou pelo desânimo, descrença, revolta, mas sempre continuou. Muitas vezes nem se deu conta disso, apenas foi seguindo a luta, mesmo quando sentiu que iria perder. O amadurecimento humano vem da percepção de si mesmo e de como os acontecimentos  e  superações externalizaram sua força interior.
Preste atenção nos sinais a seguir e veja o quanto você amadureceu diante dos problemas que a vida te apresentou.


1- Você está mais forte!
Apesar de ainda estar difícil, algumas coisas que você tinha medo já não te assustam mais. Já consegue prever suas reações e as reações dos outros diante dos fatos. Já consegue ter estratégias para solucionar ataques externos e os problemas que vão aparecendo em seu caminho.

2 - Aprendeu a não pensar o tempo todo em problemas

Você já sabe que ficar ansioso e se remoendo não adianta nada, decidiu dar uma folga para sua mente com outras coisas e aprendeu a se divertir e se distrair de vez em quando. Percebeu que isso ajudou a melhorar seu humor e sua saúde.

3 -Percebeu o seu valor e deixou de querer controlar o que pensam a seu respeito

Você compreendeu que não adianta tentar controlar o que os outros pensam e sentem a seu respeito e que isso lhe dá alívio. Prefere fazer as coisas do seu jeito e quem quiser que te aceite. Já está ciente do alívio que esse novo comportamento lhe trouxe e não pretende largar essa nova forma de viver nunca mais.

4 - Parou de se culpar por tudo e exigir perfeição de si mesmo.

Você faz o que pode todos os dias, o que não pode você decidiu esquecer, pois sabe que a perfeição não existe em você e em ninguém. Já não vê tantos defeitos em você quando se olha no espelho e não espera demais dos outros, apenas gosta de ficar tranquilo.

5 - Sabe que é capaz de lidar com situações difíceis, por isso resolveu viver o presente e ser otimista em relação ao futuro.
Você passou por poucas e boas na vida e se deu conta que sobreviveu a tudo, aos trancos e barrancos você foi solucionando problemas, chorou sozinho, foi incompreendido, às vezes até humilhado e quando realmente precisou de força para continuar, você não sabe como, mas conseguiu. As coisas não saíram como você planejou, mas você passou por tudo e deu conta. Sentiu medo, ficou inseguro mas vestiu um sorriso quando precisou mostrar um equilíbrio que achava que não tinha, afinal você não tinha pra onde correr e precisava dar um jeito de se manter a qualquer custo.

6 - Se sente grato pelas experiências que teve
Percebeu as mudanças que a dor e as decepções causaram em você e que algumas delas foram muito positivas. Agora ataques externos não recebem tanta atenção, pois você sabe quem é, de onde veio e a força que tem. Você não é mais uma pessoa iludível e frágil, você olha para as pessoas e situações como elas são de verdade e não cria fantasias, pra você isso é libertador.

7 - Não se envolve em problemas que não são seus
Você entendeu que é responsável pela sua vida e sua jornada, sabe ouvir os problemas dos outros e entende que não é responsável pela jornada de ninguém. Entende que deve orientar e educar filhos e familiares, mas que eles precisam aprender com as próprias experiências, assim como você aprendeu. Você empresta seu ombro e ajuda sem esperar reconhecimento e aplausos, você já não sente essa necessidade compulsiva por agradecimentos, e percebe que ao não ter mais necessidade de reconhecimento, acaba atraindo as atenções, pois o que todos querem é ser tão seguros quanto você é!


Entenda que se você não chegou ainda nessa percepção de vida é porque ainda não consegue olhar para dentro, mas fique tranquilo, você é capaz. Não é preciso negligenciar e abandonar as pessoas que você ama para respeitar a si mesmo. Pelo contrário, é preciso respeitar e aceitar que cada um tem sua própria jornada de amadurecimento.



Se precisar de ajuda para sua jornada entre em contato, vamos seguir juntos?
terapiaebanhos@gmail.com

Luciana Lara
Terapeuta holística/ Mestre Reiki/ Pedagoga

Comentários

Postagens mais visitadas